Como comprar carros e motos no processo de leilão

como-comprar-carros-e-motos-no-processo-de-leilao

Comprar carros e motos de leilão pode ser uma grande vantagem a princípio, principalmente por possuírem valores muito abaixo do mercado. 

Mas é importante que os consumidores tenham em mente que ele não oferece nenhum tipo de garantia, direito de troca ou devolução. Acompanhe o guia!

Leia também: Leilão de imóveis se tornou uma ótima opção de investimentos

Carros e motos no processo de leilão: Vale a pena?

No momento em que você investe em uma moto usada, esse já é um indício que exige total atenção. Esse é um cuidado que todos os consumidores devem ter se investir em algo usado, principalmente se for um veículo. 

Mas quando você decide comprar carros e motos no processo de leilão, esse cuidado deve ser redobrado. E, mesmo que algumas garantias sejam determinadas para o comprador no momento do investimento, muitos deixam isso passar. 

Mesmo que a princípio pareça muito mais arriscado do que um bom negócio, o investimento no leilão de motos e carros pode ser muito bom. 

Caso você não tenha muito conhecimento sobre como esse mercado funciona, a pergunta se ele vale ou não a pena é válida. Mas, em todo caso, essa resposta pode variar por diversas razões. 

O importante, durante a sua decisão de comprar carros e motos no processo de leilão, é avaliar com cuidado a proposta. 

Origem dos carros e motos no processo de leilão

Os veículos que são oferecidos nos leilões possuem um origens distintas. 

E, durante a sua decisão de comprar carros e motos no processo de leilão, esse ponto é essencial para realizar ou não o investimento. Confira, a seguir, quais são os processos:

  • Carros acidentados que estão sendo vendidos por seguradoras: Essa opção de veículo sofreu um acidente e a seguradora declarou perda total. Somente ferro velhos e despachantes podem adquiri-los. Esteja muito atento a isso, para não cair no golpe de uma empresa mal intencionada. 
  • Carros financiados: Um outro processo de veículos de leilões são os financiados. Nesse caso, são aqueles cujo dono realizou um financiamento mas, por alguma razão, não pagou as parcelas. Essa pode ser uma ótima aposta.
  • Acidentes: Outros veículos que também passam pelo processo de leilões são os zero quilômetro que sofreram algum acidente durante o transporte. É muito comum que, nesse caso, alguns arranhões e estragos estejam aparentes. 
  • Frotas de empresas: O último processo que os veículos podem passar em um leilão são os casos de frotas de empresas. Eles realizam reparos em seus automóveis de tempos em tempos e, algumas vezes, a decisão final é vendê-los. 

Como funciona a documentação de veículo de leilão?

Assim que você comprar o seu veículo através de um processo de leilão, é necessário regularizar toda a documentação. 

E, para que você consiga contratar todos os serviços para transportar esse veículo, alguns documentos são solicitados:

  • Nota fiscal de sua compra;
  • A documentação original do veículo;
  • Uma cópia dos documentos RG e CPF do proprietário veículo;
  • O endereço completo da origem e destino do veículo;
  • Incluir telefones para contato;
  • O documento que mostra a média do veículo, conforme estabelecido na tabela FIPE;
  • CRLV e pagamento do IPVA do veículo.

Assim que o contrato for devidamente assinado, toda essa documentação será necessária para que o veículo chegue até você em segurança. 

Como funciona o processo de compra?

Rio de Janeiro – O Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (Into) revela 40% das cirurgias da área de trauma são feitos em motociclistas acidentados / ©Tânia Rêgo/Agência Brasil

Todos os processos de leilões, tanto os realizados via internet quanto pessoalmente, têm as mesmas características. 

Caso queira investir em um veículo de algum site, o cliente pode dar o seu lance no automóvel, mas somente nos últimos segundos é que o novo dono será definido. E, a maioria dos lances é realizada durante esse momento, já que pode acobertar a anterior. 

Se o comprador der o maior lance, ele poderá levar o veículo para sua casa. É importante ressaltar que, nessas situações, o valor que será pago será à vista. 

Assim que o pagamento é realizado, o comprador já tem posse total do veículo. 

Taxas cobradas para comprar carros e motos no processo de leilão

Além de realizar o pagamento do veículo, o cliente também deve arcar com outros custos referentes a essa compra. Uma delas é a comissão do leiloeiro, que será 5% do valor pago, assim como outras taxas administrativas. 

Portanto, se você tem interesse em comprar carros e motos no processo de leilão, é fundamental conhecer todos os processos. 

Quais os cuidados você deve ter ao comprar carros e motos no processo de leilão?

As pessoas que não tem muito conhecimento sobre como ocorre os leilões devem redobrar a atenção no momento em que for realizar esse investimento. 

Isso porque, quando não existe muita informação, os riscos de cair em golpes ou investir em algo com algum prejuízo são grandes. 

O primeiro cuidado que todos os consumidores devem ter no momento de investir nessas situações é: nunca faça uma compra por impulso. Leve em consideração todos os prós e contras antes de finalizar uma operação. 

É muito importante que você confira as condições do veículo pessoalmente. Uma ótima ideia é levar um mecânico de sua confiança junto, evitando equívocos durante o processo de compra. 

Outros cuidados que os condutores devem manter ao comprar carros e motos no processo de leilão são:

  • Verifique constantemente a condição de seu veículo;
  • Confira quais são as multas e outros débitos presentes na moto ou carro;
  • Sempre verifique as informações técnicas;
  • Atente-se ao valor que você gastará no investimento e também nos reparos.

Quais são as vantagens e desvantagens?

Mesmo que existam muitas dúvidas referentes a esse tipo de investimento, é válido que os consumidores conheçam quais são as vantagens e desvantagens:

Vantagens

  • Possibilidade de investir em um veículo por um valor muito abaixo da média do mercado;
  • A variedade de opções para escolha.

Desvantagens

  • É necessário realizar o pagamento a vista;
  • Pagamento de taxas extras, como os reparos necessários. 

E então, vale a pena?

A resposta para essa pergunta é: o processo de comprar carros e motos no processo de leilão valerá a pena dependendo do seu caso. 

É essencial que o cliente siga todos os cuidados recomendados antes de investir nesse tipo de compra. 

Isso porque, será muito difícil comprar um veículo que não precisa passar por nenhum tipo de reparo.

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *