quinta-feira , outubro 19 2017
Home / Noticias / Casal negro sofre racismo e quase é preso por andar com menino loiro na rua

Casal negro sofre racismo e quase é preso por andar com menino loiro na rua

Elisângela e Edivaldo moradores da cidade de Magé no Rio de Janeiro saíram fazer compras na noite da segunda 9 de outubro. Eles decidiram levar o pequeno Cristiano Ronaldo que é neto da senhoria onde eles moram atualmente. A avó do menino autorizou o casal para passear a criança.

No supermercado foram acusados por uma mulher identificada como Amanda Marques Costa de quererm seqüestrar o Cristiano. A mulher fez um escândalo no mercado chamando inclusive a Policia situação que terminou com todo mundo na delegacia. Uma ligação da avó do menino resolveu a confusão, mas o que continua sem resolver é o racismo que provocou toda essa situação.

E Elisângela tem isso muito claro. O que aconteceu foi um caso de racismo e segundo ela “não pode ficar assim” e irá até as últimas conseqüências para que mais um caso de racismo não fique impune no Brasil. A mulher em questão que ligou para a polícia é dona de um restaurante famoso em Magé, o Galeto na Brasa.

Assista o vídeo:

About Juan Dias