terça-feira , janeiro 16 2018
Home / Cultura / Natural e artificial em Blade Runner, de Ridley Scott

Natural e artificial em Blade Runner, de Ridley Scott

 “O equívoco de Blade Runner foi seu otimismo, foi achar que a distinção entre natural e artificial seria combatida pelo estado policial e pela indústria privada quando na verdade os dois trabalham incessantemente pela sua indistinção cada vez maior” Por Tomaz Amorim Este comentário é sobre Blade Runner, o filme original, lançado em 1982. Na …

The post Natural e artificial em Blade Runner, de Ridley Scott appeared first on Portal Fórum.

About Tomaz Amorim Izabel